Volte ao SPIN

SPIN01 SPIN02 SPIN03 SPIN04 SPIN05 SPIN06 SPIN07
SPIN08 SPIN09 SPIN10 SPIN11 SPIN12 SPIN13 SPIN14
SPIN15 SPIN16 SPIN17 SPIN18 SPIN19 SPIN20 SPIN21
SPIN22 SPIN23 SPIN24 SPIN25 SPIN26 SPIN27 SPIN28
SPIN29 SPIN30 SPIN31 SPIN32 SPIN33 SPIN34 SPIN35
SPIN36 SPIN37 SPIN38 SPIN39 SPIN40 SPIN41 SPIN42
SPIN43 SPIN44 SPIN45 SPIN46 SPIN47 SPIN48 SPIN49
SPIN50 SPIN51 SPIN52 SPIN53 SPIN54 SPIN55 SPIN56
SPIN57 SPIN58 SPIN59 SPIN60 SPIN61 SPIN62 SPIN63

SPIN64 SPIN65 SPIN66 SPIN67 SPIN68 SPIN69 SPIN70
SPIN71 SPIN72 SPIN73 SPIN74

quinta-feira, 6 de setembro de 2012

Pela liberdade e em defesa do direito à heteronomia e á comunicação como um bem coletivo contra o poder da mídia hegemônica



Mensagem original
De: jose carlos lima < ideiasemarmario@yahoo.com.br >
Para: eduardoazeredo@senador.gov.br
Cópia: bentoxvi@vatican.va
Assunto: O Projeto Azeredo
Enviada: 07/11/2006 11:50

O que gostaria mesmo de saber a quem tal projeto de Azeredo interessa. Com certeza, a uma minoria. Ah sim, é o pessoal da certificação digital que está querendo faturar alto caso o projeto seja aprovado. Nassif disse algo neste sentido, em sua entrevista na TV Cultura sobre o projeto de Azeredo. Que Lula ouça os interessados no assunto, no
caso nós, e vete o projeto caso ele venha a ser aprovado. Vou começar a enviar meu email para o Planalto. O email é protocolo@planalto.gov.br envie voce seu pedido de veto a tal projeto. Sim à interatividade e velocidade na internet de forma rápida, irrestrita.



 É
Se eu nunca fui vítima de crime cibernético? Sim. E não é por este motivo que vou me tornar a favor deste projeto que chega a ser risível quando constatamos que esta coisa de apresentar carteira de identidade, cpf, etc, não impede a atuação dos criminosos. Tanto isso é verdade que o sistema bancário está repleto de contas correntes cujos dados são falsos, ou seja, correntistas que usam de documentos de outras pessoas para a prática de crimes e, vejam só, eles apresentam tais documentos na cara do gerente!
Há uns 10 anos eu estava usando o caixa eletrônico e, ao aceitar ajuda de terceiros, minha grana foi transferida, naquele momento, para a conta-corrente do malfeitor. Conversando com a gerente, esta me informou que a conta era fantasma e ficou por isso mesmo. Estou relatando isso para que o leitor saiba que, de forma real, ou seja, cara a cara isso acontece, imagina só de forma virtual. No prazo de um dia de vigência da lei já existiriam milhares de internautas fantasmas revogando, na prática, o projeto de Eduardo Azeredo.
Quanto a punir ou responsabilizar os provedores que venham a aceitar documentos falsos no preenchimento dos formulários, agora pergunto: quantos gerentes de bancos já foram responsabilizados ou presos por causa da abertura de conta-corrente com documentação falsa? Vivi isso na própria carne. A gerente do banco onde fui roubado me informou que a conta era fantasma. Só que ela me informou com uma tranquilidade tão grande que é como se estivesse apenas me informando as horas. É claro que ela sabia que ela mesma não sofreria nenhuma consequência por causa da existência daquela conta-fantasma. Quanto a imaginar que isso seria diferente no campo virtual. Senador Azeredo, aterrisa!!!!


Dias atrás fui usar meu hotmail e não consegui. Por aqui não tem, pelo menos que eu saiba, delegacia à qual eu possa me dirigir para que o caso seja investigado, ou seja, uma delegacia especializada em crimes virtuais, com policiais preparados para atuar na área. Disso sim, necessitamos, e não de ficarmos, com nosso pouco que temos, preenchendo formulários para entrarmos num simples chat ou lermos rapidamente nosso email numa lan house. Os chineses, campões em termos de complicar o uso da internet, vão roubar o projeto de Azeredo e, punir a infração a tal lei inclusive com pena de morte. O que eu gostaria mesmo era de saber quais são as reais intenções de Azeredo com este projeto. Prevenir ou combater crimes é que não é. Evitar furto em conta-corrente? Cada banco que se defenda investindo em novas tecnologias. Ainda mais num País onde a coisa mais fácil é um mala conseguir documentos de uma pessoa para se fazer uso de falsa identidade e abrir até conta-corrente fantasma.
Azeredo foi longe demais em sua versão de AI-5 cibernético. Que o senador proponha leis visando a abertura de delegacias de combate a crimes virtuais. Quanto a identificação e localização dos criminosos, repito, não é através de preenchimento de formulários para se poder acessar a internet que isto ocorrerá. As intenções de Azeredo são outras que não a de contribuir com a democratização da internet. Por isso sou a favor do financiamento público de campanha política. Empresas privadas, como estas da área de certificação digital, os verdadeiros beneficiários do projeto Azeredo, pelo jeito, estão querendo ter sua contra-partida. Não ficarei surpreso caso constate que empresas da área tenham contribuído ou estejam dispostas a contribuir com o projeto político de Azeredo. Posso estar enganado. Mas neste País o que impera mesmo é o toma-lá-dá-cá. Quanto ao povão, no caso, nós internautas, que se lixe. Que fiquemos feito bobos informando nosso CPF, Identidade, endereço e, quiçá o nome de nosso cachorro, papagaio, etc, para lermos um simples email num curto espaço de tempo, inclusive usando nosso próprio celular. Tenha a santa paciência, Senador Azeredo! Idéia Sem Juízo. Desmiolado.
Para se inteirar mais sobre o assunto, sugiro a leitura das opiniões acerca do post "O Projeto Azeredo", do jornalista Luis Nassif, no blog http://luisnassif.blig.ig.com.br
A seguir, os últimos comentários ali postados. Gostaria de postar aqui todos os comentários porque todos são bons. Ocorre que devido a quantidade, isso se torna inviável. Por isso estou postando os três últimos comentários. Sugiro a leitura das demais opiniões no próprio blog de Luis Nassif.
enviado por: Jacira de Avila
Mais uma Lei inócua para os fins a que se \"destina\". Ela vai ser usada para controlar a sociedade e o direito da sociedade à informação.
Logo agora que o poder de informação (verdadeira) da internet pode ser avaliado pelos detentores da informação (mídia).
Essa Lei vai prejudicar o projeto do governo de inclusão digital, pois vai dificultar ainda mais o acesso daqueles que não têm.
Acho que é hora dos eleitores, principalmente os internautas, fazerem pressão junto aos seus eleitos (deputados e senadores) para não deixar passar.
enviado por: tioalb
A lei está sendo proposta baseada em uma minoria que usa a Internet para o mal.
Logo, com a lei será mais fácil identificar as pessoas.
Mas, mais uma vez, as pessoas usarão uma lei para o mal. (tanto quem propos como as mesmas pessoas de antes).
Não há sistema, processo, ou qualquer coisa, que possa ir contra essa vontade de não seguir o bom senso, o bem comum? Entendem o que eu quero dizer?
Será que sempre haverá alguém para tentar \'ganhar\' em cima dos demais?
Sinceramente, eu acho que só educação e a cultura nos salvam. O resto é correr atrás do rabo, ladeira abaixo.
Ps.: Sim, foi um desabafo! Nassif, gosto muito do seu blog! Parabens! Estou indo te ver no Roda Viva!
enviado por: Henrique Cesar Rodri
Fico receoso de quererem nos calar.
Quase toda a imprensa é dúbia, o que foi comprovado nas eleições.
Espero que não venham impedir a imprensa/opinião livre na internet.
Acredito que as leis regulamentadoras sejam claras sem restringir nossa liberdade de pensamento.
Exemplo: foi na internet, entre outros inúmeros fatos, que descobri que o senador Azeredo se beneficiou do valerioduto.
A internet aperfeiçoou meu voto.
A internet tem de ser livre mas também isenta de crimes.
A internet esclarece a população e reforça cada vez mais a democracia.
...
Vamos ficar de olho.
enviado por: Carlos Cruz
Sobre a questão da regulamentação eu acredito que não existe este problema de \"ameaçar a liberdade de expressão\" pois quem tem opinião a dar deve fazê-lo identificando-se. Vejo poucas situações aonde isto poderia ser questionado devido a ameaças a pessoa que emitiu a opinião. Deveria existir o disque-denúncia para estes casos.
Acho que os fomentadores deste projeto são os bancos que querem um respaldo legal para convencer os tribunais de que os problemas de fraudes nas contas bancárias que ocorrem não pode ser imputado ao banco, mas sim ao cliente. Com a identificação inequívoca do acesso poderia ser feita a amarração desejada. Alguém no blog também citou as empresas certificadores e cartórios ... esses são eternas hienas a espera para se banquetear com os restos dos consumidores deixados pelos leões (os bancos).
enviado por: Rubens Lopes
Nassif,
Este projeto caminha em direção a um movimento global, que privilegia os interesses de uma elite mundial, chamado New World Order. Projetos semelhantes já tramitam nos EUA, na UE, na China e em outros países que vivem em um Estado Totalitário Fascista ou estão a rumo de se estabelecerem como tal, como preconiza a NWO. Muitos dos cometaristas aqui inclusive vc. podem dizer que estou \"viajando na maionese\", mas creio, convictamente, que há ligação de banqueiros, segmentos da mídia e políticos, com esta gentalha global, que trama contra a nossa liberdade e deseja instituir um controle autoritário sobre nossas vidas, transformando a nossa sociedade global num verdadeiro \"big brother\" mundial. Seria esta uma tentativa de intituir em nosso páis, uma semente para o desenvolvimento massivo e autoritário de um \"big brother\" tupiniquim, alinhado às grandes forças econômicas hegemônicas mundiais?
enviado por: Marcia
CaroNassif,

só passei aqui para parabenizar a todos os seus comentaristas e a vc tbm, pois têm feito deste blog um excelente blog de dados, já que cada comentário vem recheado de informações substanciais.

Só passei aqui para isso, não poderia comentar nada sobre o projeto de lei porque sou uma ignorante em informática (ou ingênua, como diria o leitor Orlando)
respondido por: Luis Nassif
Viu só que pessoal cobra, Márcia?
enviado por: Sergio Telles
Site: http://fallaserio.blogspot.com
O curioso é que jornalistas, ou que se dizem jornalistas, podem escrever o que quiserem nas suas colunas sem a menor responsabilidade, enquanto eu, como um bloggeiro, poderia pegar até 4 anos de prisão por emitir uma opinião.

É no mínimo, tentativa de calar a voz da população, que encontrou um espaço para fugir da mídia golpista. Espero que esse projeto sequer seja avançado, aliás o criador do mensalão nem deveria ter o propósito de se envolver em um tema tão polêmico, nem deveria mais estar como senador, mas a mídia golpísta o apóia e ele fica aí criando essas bizarricies contra a democracia.
enviado por: Claudinho
O Reinaldo de Azevedo teve que caprichar na retórica por conta disso. Que ele colore as coisas da maneira que lhe interessa, isso todo mundo já sabe, mas não sei daonde ele tirou que Delcídio tem participação no projeto! A obessão anti-petista por parte desse colunista já virou um transtorno, o transtorno anti-PT. É engraçado, porque até os psdebistas detonaram o projeto e pediram a cabeça do Azeredo. E o reinaldo que defende tanto a democracia ficou sem moral nenhuma pra defender o PSDB. Esse projeto do democrático PSDB, com intelectuais, que se autoproclamam democratas como FHC, foi a coisa mais contraditória que o PSDB já fez. Falo isso, porque Tasso, Bornhausen e FHC ficaram quietos. O próprio Reinaldo teve que admitir que o negócio é anti-constitucional e totalitário e ainda inventou a participação de Delcídio para a situação não ficar mais feia pra ele. Estou rindo até agora disso Nassif e tenho certeza de que você também. Já li até que o Azeredo estaria sendo usado pelo PT. Essas teorias da conspiração são tão toscas que mostram o estado mental que chegou algumas pessoas. Parece que a mídia fez uma lavagem cerebral na cabeça das pessoas e tudo que dá de errado colocam a culpa no PT, mesmo quando o projeto é do PSDB, pasmem!!! Da mesma forma, se determinados colunistas não aliviarem a onda anti-governo, ninguém vai mais acreditar na boa intenção deles se falarem bem do governo. O reinaldo está tão mal que chegou a afirmar que vai torcer pra Lula fazer um bom governo, mesmo não acreditando e que a oposição é muita burra e não sabe aproveitar as falhas do governo. Acho que no final esse anti-lulismo dele é um teatro e ele deve até estar incomodado com muita coisa que a oposição faz. Sinceramente Nassif, democracia não tem sentido no Brasil, siglas não dizem muita coisa, o negócio que fala forte aqui é retórica, interesses econômicos envolvidos e poder. Reinaldo que não está raciocinando muito bem, disse que a ditadura matou poquinho no Brasil, menos de 500, segundo ele e que os regimes socialistas foram muito mais. Na Rússia e na China se matou mais, mas ele não contabiliza a morte indireta da democracia brasileira, as pessoas que passam fome, a mortalidade infantil, o coronelismo que drena os recursos que deveriam ir para os pobres, isso também é matar. Mais o que é interessante é a aproximação do Azeredo com Azevedo. Já pensou se alguém comete o ato falho e fala que o projeto é de Azevedo em vez de Azeredo? A aproximação é muito sutil, mas qualquer pessoa pode ser afetada por ela. Os psicanalistas vão rir disso e eu tô rindo também. É como se a sorte ajudasse a fazer justiça.
enviado por: André
Oi pessoal,

Segue o e-mail do senador Eduardo Azeredo. eduardoazeredo@senador.gov.br

Sugiro o envio de mensagens, não ofensivas, questionando os reais interesses de seu projeto e nossa preocupação com este tema.
............................................
Remetente: José Carlos Lima
Goiânia - Rio Meia Ponte


O Yahoo! está de cara nova. Venha conferir!

Nenhum comentário: